SMetal

Imprensa

#AnulaReforma

Vitória Régia recebe ação pela anulação da Reforma Trabalhista no sábado

Além dos mutirões, o SMetal está coletando assinaturas também nas fábricas metalúrgicas. Para aderir à campanha, procure o seu CSE com o número do título de eleitor

Quarta-feira, 18 de Outubro de 2017 - 11:08 - Atualizado em 18/10/2017 12:03
Imprensa SMetal

, Divulgação
Izídio de Brito, diretor do SMetal, é coordenador da coleta de assinaturas na região.Divulgação
O mutirão de coleta de assinaturas pela Anulação da Reforma Trabalhista continua neste sábado, dia 21, no Parque Vitória Régia, na zona norte de Sorocaba. A concentração será às 9h, em frente ao Centro de Educação Infantil ‘Professora Ana Rosa Judice Moreira Zanucci Oliveira’ (CEI 80).

A campanha é uma iniciativa da CUT e tem o objetivo de coletar 1,3 milhão de assinaturas no País e protocolar um Projeto de Lei de Iniciativa Popular pela revogação da nova legislação trabalhista na Câmara dos Deputados, em Brasília.

Na manhã do último sábado, dia 14, cerca de 20 dirigentes do Sindicato dos Metalúrgicos (SMetal) estiveram no Parque São Bento conversando com os moradores sobre os impactos da Reforma na vida dos trabalhadores. No dia foram coletados cerca de 230 assinaturas válidas.

O SMetal está coletando assinaturas também nas fábricas metalúrgicas. Para aderir à campanha, procure um representante do Sindicato com o número do título de eleitor. Onde não tem CSE, o Sindicato está negociando pontos fixos nas empresas para que o trabalhador possa participar.

O secretário de organização do SMetal e coordenador da coleta de assinaturas na cidade, Izídio de Brito, conta que a campanha foi bem recebida pelos sorocabanos, mas alerta sobre a necessidade do número do título de eleitor para que a assinatura seja validada. “Essa tem sido a nossa maior dificuldade, muitos moradores querem aderir à campanha, mas não encontram o documento”.

Além do título de eleitor, para participar é preciso preencher o formulário com nome completo, data de nascimento e assinatura.

Pontos fixos

Izídio lembra ainda que, além das ações nos bairros, os interessados em assinar o abaixo-assinado podem procurar os sindicatos filiados à subsede da CUT Sorocaba, como o SMetal. A sede do Sindicato funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h.

Deixe seu Recado