SMetal

Imprensa

Investigação

Vitor Lippi (PSDB) é alvo da justiça por improbidade administrativa

Quarta-feira, 27 de Abril de 2016 - 12:27 - Atualizado em 27/12/2016 14:42
Imprensa SMetal

,
Além do Vitor Lippe, o ex-secretário de Administração Januário Renna e a empresa Calvo Comercial, também são réus por improbidade administrativa
O deputado federal Vitor Lippi (PSDB), que votou a favor do impeachment, é investigado por improbidade administrativa para responder ao período em que foi prefeito de Sorocaba.

Além dele, o ex-secretário de Administração Januário Renna e a empresa Calvo Comercial, Importação e Exportação Ltda. são réus em ação civil de improbidade administrativa, devido a aditivos de contratos realizados pela Prefeitura de Sorocaba, no ano de 2007, para o fornecimento de cestas básicas aos servidores públicos municipais.

Os aditamentos foram julgados irregulares já em 2007 pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE/SP), que apurou que haviam cláusulas contratuais que impediam a possibilidade de prorrogação de prazos e que o índice de reajuste de preços estava superior aos indexadores utilizados.

Deixe seu Recado