SMetal

Imprensa

Sorocaba

Trabalhadores protestam contra atrasos na Tecforja

Quinta-feira, 25 de Junho de 2015 - Atualizado em 27/12/2016 13:58
Imprensa SMetal

,
Demissões e atrasos de salários estão entre os motivos do protesto na Tecforja
Após os trabalhadores, liderados pelo SMetal, protestarem em frente à Tecforja, na manhã de segunda-feira, dia 22, contra a demissão de trabalhadores, salários atrasados e suspensão do convênio médico, a empresa se comprometeu a apresentar um plano de recuperação para saldar seus débitos e retomar benefícios.

De acordo com o diretor sindical Marcos Roberto Coelho, a empresa suspendeu o convênio médico dos funcionários há mais de um ano e desde o final de 2014 os salários vem sendo pagos com atraso.

Já na tarde da segunda-feira, dia 22, a empresa, em reunião com dirigentes sindicais, se comprometeu a apresentar, até o final deste mês, plano de recuperação para saldar seus débitos, pagar os trabalhadores em dia e acertar a retomada de benefícios como o convênio médico.

A Tecforja fica no bairro Cajuru e tem 180 funcionários. Ela fabrica peças para o setor automobilístico.

Deixe seu Recado