SMetal

Imprensa

Participação dos Resultados

Trabalhadores da Spica entram em greve por falta de PPR

Quinta-feira, 11 de Junho de 2015 - Atualizado em 27/12/2016 13:56
Imprensa SMetal

,
Na manhã de hoje, os 62 funcionários da Spica permaneceram em frente à fábrica aguardando uma sinalização por parte da diretoria
Trabalhadores da empresa de fundição de alumínio Spica, instalada no bairro Iporanga, em Sorocaba, entraram em greve na manhã desta quinta-feira, dia 11, devido à falta de negociação sobre o PPR (Programa de Participação dos Resultados). Como a empresa não iniciou negociação com o Sindicato dos Metalúrgicos, a paralisação continua pelo menos até amanhã às 7h, quando uma assembleia em frente à empresa vai definir os rumos do movimento.

Segundo o dirigente sindical Alessandro Marcelo Nunes, o Marcelinho, representantes da empresa informaram que não vão apresentar proposta de PPR para este ano. "Então conversamos com os trabalhadores, que decidiram entrar em greve", explica.

Na manhã de hoje, os 62 funcionários da Spica permaneceram em frente à fábrica aguardando uma sinalização por parte da diretoria, o que não ocorreu. Por volta das 13h eles foram embora e só vão retornar amanhã de manhã para a assembleia. A Spica opera com turno único, das 7h às 16h.

Deixe seu Recado