SMetal

Imprensa

São Roque

Trabalhadores da Permax podem paralisar a produção

Trabalhadores estão indignados com holerites errados e pressão da chefia

Quinta-feira, 22 de Abril de 2010 - Atualizado em 27/12/2016 11:52
Folha Metalúrgica 596

Depois de parar por um dia [segunda-feira, 19] por erros no pagamento, aumento salarial e assédio moral [pressão da chefia], os cerca de 50 trabalhadores da Permax, em São Roque, podem parar por tempo indeterminado a partir da próxima semana. O comunicado de greve já foi aprovado pelos funcionários e será protocolado na empresa até sexta, 24.

Depois da paralisação de segunda, a empresa se reuniu com o Sindicato para ouvir as reivindicações dos trabalhadores. "Mas não houve avanço. As negociações não caminharam. Se os trabalhadores se mantiverem unidos, dispostos a buscar seus direitos, a produção da Permex pode ser paralisada semana que vem até que a fábrica atenda os trabalhadores", adianta o diretor sindical João Farani.

Até a paralisação do dia 19, a empresa sequer sentava com o Sindicato para negociar.

Deixe seu Recado