SMetal

Imprensa

SMetal na Fábrica

Trabalhadores da Espas conquistam vale-compras a partir de outubro

Sexta-feira, 13 de Setembro de 2019 - 09:24 - Atualizado em 13/09/2019 14:59
Imprensa SMetal

vale, compra, assembleia, smetal, sorocaba, espas, bizu, Daniela Gaspari/Imprensa SMetal
Além do vale-compras, diretoria do SMetal informou aos trabalhadores da Espas sobre as novidades das negociações da Campanha Salarial 2019Daniela Gaspari/Imprensa SMetal
Dirigentes do Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e Região (SMetal) estiveram na manhã desta sexta-feira, dia 13, na metalúrgica Espas, em Sorocaba, para conversar com os trabalhadores sobre a Campanha Salarial 2019 e pautas específicas da fábrica - entre elas o vale-compras, que passa a ser pago em outubro deste ano.

Durante a assembleia, o diretor executivo do SMetal, Antonio Welber Filho (Bizu), lembrou que há aproximadamente 90 dias, o Sindicato protocolou uma pauta reivindicando a implantação do vale-compras e a negociação de um Programa de Participação nos Resultado (PPR) na fábrica.

“Conseguimos avançar nas reivindicações dos trabalhadores e, além do pagamento do vale-alimentação a partir de 31 de outubro, para o ano que vem temos o compromisso de sentar e rediscutir esse valor inicial com a empresa”, conta. Sobre o PPR, o Sindicato e a Espas retomam as negociações em 2020.

Campanha Salarial

Outro tema importante tratado na assembleia foi o andamento das negociações da Campanha Salarial 2019. Fabricante de protótipos automotivos, a Espas faz parte do Grupo 3, que já tem Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) assinada por dois anos.

“Por isso, a negociação no G3 tem sido mais focada nas cláusulas econômicas, a chamada pauta parcial. Nós já pautamos as bancadas patronais e estamos defendendo a importância da reposição da inflação, que é de 3,28%, mais aumento real para toda a categoria”, explicou Bizu.

Mas o dirigente ressaltou que nem a inflação está garantida. “Devemos nos manter mobilizados e unidos e, se a questão econômica não for resolvida ainda este mês, vamos começar a realizar assembleias mais longas para pressionar os patrões”, assegurou.

A Espas fabrica peças protótipos automotivas, fica no bairro Iporanga e tem cerca de 40 trabalhadores.

Deixe seu Recado