SMetal

Imprensa

Fabricação do Corolla Cross

Toyota Etios deixará de ser produzido para venda no mercado brasileiro

Segundo o presidente do SMetal, o anúncio feito pela empresa não representa riscos aos empregos; produção continua na planta de Sorocaba para exportação do veículo a países vizinhos, como Argentina, Peru, Uruguai e Paraguai.

Quarta-feira, 03 de Março de 2021 - 14:53 - Atualizado em 03/03/2021 15:42
Imprensa SMetal

carol, outubro, 2020, imprensa, Foguinho/Arquivo Imprensa SMetal
A implantação da plataforma TNGA foi uma das lutas do SMetal na busca de investimentos para a planta localFoguinho/Arquivo Imprensa SMetal
A montadora Toyota anunciou na tarde da última terça-feira, 2, que o carro Etios deixará de ser produzido para vendas no mercado brasileiro. A produção segue na planta em Sorocaba, mas apenas para exportação aos países vizinhos, como Argentina, Peru, Uruguai e Paraguai.

Desde quando começou a ser vendido, em 2012, o Etios já teve mais de 620 mil unidades produzidas no Brasil nas versões hatch e sedã. A aposta da Toyota agora é o novo Corolla Cross – que será lançado no mercado brasileiro no dia 11 de março.

O presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e Região (SMetal), Leandro Soares, recorda que os empregos que serão mantidos estão diretamente atrelados à atuação do SMetal. “Em 2019 fomos atrás de novos investimentos, sempre com o objetivo de garantir emprego e renda para a população. À época, a empresa anunciou que destinaria mais de R$ 1 bilhão de reais ao parque industrial de Sorocaba para a implantação da plataforma TNGA”, recorda Leandro.

carol, outubro, 2020, imprensa, Divulgação
Os dirigentes do SMetal, Leandro Soares e Silvio Ferreira, se reuniram em 2019 com o CEO da América Latina e Caribe, Masahiro Inoue e com o diretor de RH Toyota do Brasil, Roberto YanagizawaDivulgação

Em julho de 2019, o SMetal entregou um requerimento ao CEO da Toyota da América Latina e Caribe solicitando a implantação da plataforma global da empresa, que permite a fabricação de diversos veículo da montadora. Desde então, todas as adaptações necessárias na linha de produção já foram feitas e 180 contratações por prazo determinado também foram realizadas.

Além disso, um acordo negociado em janeiro deste ano entre Sindicato e empresa permitiu a abertura de mais 40 vagas, totalizando 220 trabalhadores a mais na planta para produzir o Corolla Cross.

Rodrigo Manga pega carona na luta sindical

Em entrevista recente, o atual prefeito Rodrigo Manga resgatou – como se fosse novidade – a notícia do investimento bilionário e das contratações extras realizadas pela Toyota. Na ocasião, ele tentou pegar carona na luta do Sindicato pela plataforma TNGA, se apropriando da pauta com finalidade eleitoreira.

Apesar da sua tentativa de usurpar uma negociação que foi realizada pelo Sindicato, a memória coletiva não perdoa. Enquanto o presidente do SMetal, Leandro Soares, e o secretário-geral, Silvio Ferreira, estavam no Japão criando diálogos para possibilitar investimentos, desenvolvimento tecnológico e renda para a Sorocaba, Manga passeava por Orlando (Estados Unidos).

Relembre a atuação do Sindicato dos Metalúrgicos pelos investimentos da Toyota clicando aqui.

Deixe seu Recado