SMetal

Imprensa

Luto

SMetal lamenta o falecimento de Ney Domingues, ex-dirigente sindical

Ney faleceu nesta segunda-feira, 05, por complicações geradas pelo coronavírus; o metalúrgico atuou junto ao SMetal como dirigente, além de ter sido voluntário no Banco de Alimentos de Sorocaba

Segunda-feira, 05 de Abril de 2021 - 16:13 - Atualizado em 05/04/2021 17:04
Imprensa SMetal

carolzinha, 2021, imprensa, Reprodução - Facebook
Ney Domingues faleceu nesta segunda-feira, vítima do coronavírusReprodução - Facebook
É com enorme pesar que o Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e Região (SMetal) informa o falecimento de Rodinei Pereira Domingues, o Ney Domingues, nesta segunda-feira, 05, por complicações geradas pelo coronavírus.

Ney foi dirigente sindical do SMetal entre os anos de 2001 e 2011. Na sequência, seguiu para ser assessor de base e também foi candidato a vereador pelo Partido dos Trabalhadores (PT) nas duas últimas eleições, em Piedade, sua cidade natal. O metalúrgico faleceu aos 45 anos e deixa a esposa Patrícia Domingues e a filha Ketley Domingues.

Trabalhador da VMX, ele foi o primeiro dirigente sindical do SMetal na cidade de Piedade. Izídio de Brito, secretario de organização, o recorda como uma pessoa de luta. “Sempre foi um companheiro aberto aos desafios e tarefas. Ney será lembrado como uma pessoa muito dedicada nas questões classistas. Perdemos muito, infelizmente. A luta nós temos que continuar, pois tenho certeza que é assim que ele gostaria de ver a gente”, comenta. "O Ney é como um girassol que espalhou sementes férteis por passou", finaliza.

O metalúrgico também foi voluntário no Banco de Alimentos de Sorocaba e teve participação importante na integração da entidade na região em que residia. 

“É de uma tristeza imensa ver mais um dos nossos companheiros de luta perdendo a vida para essa doença. Neste momento de dor o que podemos é desejar que a família tenha o amparo de Deus e encontre forças na fé para superar essa partida tão dolorosa”, lamenta o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos, Leandro Soares.

Diante de tantas perdas irreparáveis, o SMetal recorda sobre a importância da vacinação ampla e irrestrita, além da adoção do 'lockdown' como formas de lidar com o pior cenário da saúde brasileira desde o começo da pandemia, em 2020.

À família de Ney, a entidade se coloca à disposição para o que for necessário.

Deixe seu Recado