SMetal

Imprensa

Em defesa da aposentadoria

SMetal e Dieese promovem debate sobre a Reforma da Previdência

Debate sobre a PEC da Previdência acontece na próxima quarta-feira, dia 20, às 19h, na sede do SMetal, e terá como palestrante o sociólogo e coordenador do Dieese, Fausto Augusto Junior. Inscrições pelo WhatsApp: (15) 99697-2822 (nome completo e RG ou CPF.

Quarta-feira, 13 de Março de 2019 - 10:23 - Atualizado em 21/03/2019 08:37
Imprensa SMetal

Fausto, dieese, debate, previdência,, Foguinho/Imprensa SMetal
Fausto Augusto Junior é sociólogo, coordenador do Dieese e será o palestrante no debate sobre a Reforma da PrevidênciaFoguinho/Imprensa SMetal
Para entender melhor qual é a proposta do governo federal para a Reforma da Previdência e os impactos na vida dos trabalhadores, os dirigentes do SMetal convocam toda a categoria para a palestra do sociólogo e coordenador do Dieese, Fausto Augusto Junior, no próximo dia 20, às 19h, na sede do Sindicato.

Para se inscrever, basta enviar nome completo e o número de um documento de identidade (RG ou CPF) pelo WhatsApp, no número (15) 99697-2822.

“É fundamental a compreensão do que está em jogo, porque essa proposta praticamente impossibilita o acesso à aposentadoria, mas também propõe a redução do benefício de pensão e o fim da aposentadoria especial”, alerta o presidente do SMetal, Leandro Soares.

Confira algumas das principais mudanças

previdência, idoso, trabalhador,, Arte: Glauco Góes
Reforma da PrevidênciaArte: Glauco Góes

Aposentadoria por idade

Nenhum trabalhador se aposenta antes dos 65 anos e nenhuma trabalhadora se aposenta antes dos 62 anos.

Por tempo de contribuição

Deixa de existir uma aposentadoria exclusivamente por tempo de contribuição, todos deverão ter uma idade mínima para se aposentar. Ninguém se aposentaria sem ter 20 anos de contribuição e 65 anos de idade para homens e 62 anos para mulher.

Valor do benefício

Nenhum trabalhador receberá 100% do valor do benefício sem ter 40 anos de contribuição e não existirá mais fator previdenciário. O cálculo para o benefício não será mais pelos 80% dos melhores salários e sim pela média de todas as remunerações, incluindo a primeira registrada na carteira de trabalho.

Por isso e por outros pontos é importante lutar contra a aprovação dessa proposta (PEC 6/2019) no Congresso Nacional, por ela ser cruel aos trabalhadores e apenas beneficiar empresários e banqueiros.

Além do debate, no dia 20, o Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba tem publicado matérias sobre o assunto tanto na Folha Metalúrgica quanto no Portal SMetal e continuará explicando cada ponto para a categoria e a sociedade.

 

Mobilização nacional

Dez centrais sindicais farão mobilização nacional no próximo dia 22 contra a Reforma, o “Dia Nacional de Luta e Mobilização em Defesa da Previdência”. A mobilização, segundo os sindicalistas, é um aquecimento rumo a uma greve geral em defesa das aposentadorias. Outra forma de lutar contra essa retirada de direitos é pressionar os deputados da região para que não aprovem a Reforma (PEC 6/2019).

SAIBA MAIS: A Rede Brasil Atual lançou um site para tirar dúvidas sobre a Reforma. Acesse: minhaaposentadoria.net.br 

 

SERVIÇO:

Debate sobre os impactos da Reforma da Previdência na vida dos trabalhadores
Dia 20 de março, quarta-feira
Horário: 19h
Local: Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e Região (SMetal) - rua Julio Hanser, 140, Lageado (próximo à Rodoviária)
Organização: SMetal e Dieese ( atividade faz parte da 15ª Jornada Nacional de Debates do Dieese)

 

Deixe seu Recado