SMetal

Imprensa

Sorocaba

Sessão solene na Câmara vai homenagear 30 anos da CUT

Quarta-feira, 21 de Agosto de 2013 - Atualizado em 27/12/2016 12:07
Imprensa SMetal

,
O vereador Izídio de Brito (PT), de origem metalúrgica, vai realizar uma sessão solene na Câmara Municipal de Sorocaba no dia 29 de agosto, às 19h, para homenagear a Central Única dos Trabalhadores (CUT) pelos seus 30 anos de fundação.

"A história da CUT tem relação direta com os movimentos sociais de Sorocaba desde a fundação da Central. Metalúrgicos locais participaram do congresso de trabalhadores que fundou a CUT, a primeira central sindical do Brasil", afirma o vereador.

"Há 30 anos, no Brasil e também em Sorocaba, a CUT é protagonista dos principais fatos de transformação política e social do país, além de ter estado presente nos grandes debates nacionais e locais das últimas três décadas", explica o parlamentar, que foi presidente do Sindicato dos Metalúrgicos da região por 10 anos.

Diversas lideranças locais que participaram da direção da CUT nas últimas décadas serão homenageadas na sessão solene do dia 29, que será aberta ao público.

Outro parlamentar petista de Sorocaba que está organizando uma sessão solene pelo aniversário da CUT é o deputado Hamilton Pereira, também do PT. A cerimônia, nesse caso, será na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, na manhã do dia 2 de setembro.


História da central

A Central Única dos Trabalhadores foi fundada no dia 28 de agosto de 1983, no antigo teatro Vera Cruz, em São Bernardo do Campo, em São Paulo, durante o 1º Congresso Nacional da Classe Trabalhadora (CONCLAT).

Na época, ainda sob o regime militar, a legislação não permitia a existência de centrais sindicais no Brasil. Embora reconhecida, por mais de 20 anos, como interlocutora da classe trabalhadora diante de empresários, poder público e mídia, foi somente em 2007 que a CUT conquistou seu reconhecimento jurídico, juntamente com as demais centrais sindicais, legalizadas pelo então presidente Lula.

Presente em todos os ramos de atividade econômica do país, a CUT é a maior central sindical do Brasil e da América Latina; e a 5ª maior do mundo, com 3.438 sindicatos filiados; 7,5 milhões de sindicalizados e 22 milhões de trabalhadoras e trabalhadores em sua base de atuação.

Os princípios da central são a igualdade e a solidariedade. Os objetivos são organizar, representar e dirigir a luta dos trabalhadores da cidade e do campo, do setor público e privado, ativos e inativos, por melhores condições de vida e de trabalho e por uma sociedade justa e democrática.

Deixe seu Recado