SMetal

Imprensa

Araçariguama

Senior: Trabalhadores entram em greve após demissões arbitrárias

Sexta-feira, 27 de Setembro de 2019 - 13:38 - Atualizado em 02/10/2019 12:29
Imprensa SMetal

, Foguinho/ Imprensa SMetal
A greve é por tempo indeterminado, informa o dirigente sindical João FaraniFoguinho/ Imprensa SMetal
Trabalhadores da metalúrgica Senior, atualmente, Junior Flex, em Araçariguama, entraram em greve nesta sexta-feira, dia 27, por conta das demissões arbitrárias que vem ocorrendo na fábrica, após ser adquirida pelo grupo Solina Global Corporação, filiado à TEAK Capital Corporation, de matriz britânica.

De acordo com informações divulgadas pela própria Junior Flex, a estratégia da aquisição da Senior é tornar a empresa “um membro bem-sucedido da plataforma Solina Global, oferecendo crescimento real e valor para os acionistas”.

No entanto, o intuito de fazer a empresa ser rentável não está sendo condizente com os valores divulgados pela empresa de agir com integridade e de cumprir os compromissos internos e externos. Em menos de 15 dias, a empresa demitiu quatro trabalhadores que têm estabilidade garantida por lei.

 “Percebemos que a direção da empresa está tentando desestabilizar os trabalhadores, com demissões totalmente arbitrárias. O sindicato não permitirá que essa conduta autoritária e irresponsável continue a ameaçar a dignidade dos trabalhadores”, ressalta o dirigente sindical João Farani.

Os trabalhadores aprovaram na assembleia da madrugada desta sexta-feira, 27, entrar em greve. O Sindicato está à disposição para negociar e reverter as demissões.

A Junior Flex fabrica tubos flexíveis metálicos  para os segmentos automotivo e Industrial, tem aproximadamente 90 trabalhadores.

Deixe seu Recado