SMetal

Imprensa

Entrevista

Reforma Trabalhista deixa trabalhadores desprotegidos, afirma juiz do trabalho

Quinta-feira, 28 de Setembro de 2017 - 10:57 - Atualizado em 28/09/2017 11:41
Imprensa SMetal

, Daniela Gáspari/Imprensa SMetal
Marcus Barberino é juiz do Tribunal Regional do Trabalho (TRT), da 15ª Região.Daniela Gáspari/Imprensa SMetal
Em entrevista ao SMetal, o juiz Marcus Barberino, do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 15ª Região, é categórico ao afirmar que a nova legislação trabalhista não vai modernizar o direito do trabalho. Pelo contrário, há diversos pontos inconstitucionais na nova lei e outros tantos que podem precarizar ainda mais o trabalho.

Um dos exemplos é a da jornada intermitente, pela qual o empregador faz um contrato com um funcionário que fica à sua disposição até ser “convocado” para o trabalho e é pago apenas pelo período em que prestou seus serviços. Na opinião do juiz, se isso se tornar regra, agravará a precarização da sociedade. “É a subversão da proteção social”.

Confira a entrevista completa aqui.

Deixe seu Recado