SMetal

Imprensa

Campanha salarial

Protestos por melhores salários mobilizam mil trabalhadores metalúrgicos

A partir da próxima semana pode ocorrer paralisações por tempo indeterminado em Sorocaba e região

Terça-feira, 24 de Agosto de 2010 - Atualizado em 27/12/2016 11:54
Imprensa Smetal

,
Trabalhadores da Dana, autopeças localizada na zona industrial de Sorocaba, também participaram das manifestações
O Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba mobilizou aproximadamente mil trabalhadores de três fábricas de autopeças nas entradas de turno desta terça-feira (24) - pela manhã e começo da tarde - em proposto contra a morosidade das negociações salariais.

Os protestos ocorrem nas portarias da Edscha, Scherdel e Dana, todas localizadas na zona industrial de Sorocaba.

Os metalúrgicos estão em campanha salarial e reivindicam aumento real, valorização do piso salarial, redução de jornada de trabalho sem redução de salário e licença-maternidade de 180 dias.

Durante as assembleias de protesto, que duraram em média duas horas cada uma, os trabalhadores aprovaram paralisação por tempo indeterminado a partir da próxima semana, caso os grupos patronais não apresentem propostas que atendam às reivindicações da categoria.

As três empresas que enfrentaram protesto nesta terça são fabricantes de autopeças e pertencem ao Grupo 3.

Nesta quarta (25), às 15h, representantes do G3 se reúnem com os negociadores da FEM-CUT, que representam os trabalhadores, para mais uma rodada de negociação.

A data-base da categoria é 1° de setembro.

Deixe seu Recado