SMetal

Imprensa

Pesando no bolso

Preços de gás de cozinha e gasolina continuam em alta em Sorocaba

Consumidor pode encontrar gás de cozinha entre R$105 e R$120 e a gasolina custando, em média, R$6,80 o litro; governo federal vem anunciando quedas em determinados preços como medida eleitoral

Segunda-feira, 18 de Abril de 2022 - 16:42
Imprensa SMetal

, Foguinho/Imprensa SMetal
O preço elevado da gasolina tem pesado no bolso dos trabalhadores e trabalhadoras da cidadeFoguinho/Imprensa SMetal
Dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) mostram que o preço do gás de cozinha e da gasolina continuam em alta em Sorocaba.

Atualmente, o consumidor pode encontrar o botijão de gás entre R$105 e R$120 na cidade. No caso da gasolina, o valor máximo fica em R$ 7,199 e o preço mínimo R$ 6,49, contabilizando uma média de R$ 6,80 por litro.

Um ritmo de reajustes frequentes foi registrado nos últimos anos e, somente de dezembro de 2021 a março deste ano, houve um reajuste de 10,77% na gasolina e 9,09% no gás de cozinha. Agora, o governo anuncia que alguns preços irão cair nos próximos dias.

“Como medida eleitoreira, Jair Bolsonaro está anunciando queda no preço dos combustíveis e na energia elétrica, por exemplo. Sabemos que se trata de uma política que visa as eleições de 2022” comenta o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e Região (SMetal), Leandro Soares.

Para o líder metalúrgico, o trabalhador e a trabalhadora sorocabanos sofreram cada um desses aumentos dentro da própria casa e, no cenário atual, toda ‘folga’ no orçamento é bem vinda, porém é preciso ficar de olho nesses anúncios. “No caso de Bolsonaro se trata de uma medida passageira. Para este ano, precisamos de representantes compromissados com políticas que facilitem a vida dos trabalhadores e, acima de tudo, que perdurem”, analisa Leandro.

Deixe seu Recado