SMetal

Imprensa

Associados e dependentes

Plantão Previdenciário: calcule o tempo que falta para a aposentadoria

Para tirar dúvidas sobre contagem de tempo para a aposentadoria, estabelecimento de benefício, pensão por morte, auxílio-doença, entre outras questões, o associado pode procurar as advogadas previdenciárias do SMetal

Terça-feira, 01 de Junho de 2021 - 09:16 - Atualizado em 07/06/2021 16:18
Imprensa SMetal

juridico, previdência, smetal, sorocaba, plantão, previdenciário, Divulgação
Plantão Previdenciário do SMetalDivulgação
Com a Reforma da Previdência, o Direito previdenciário sofreu diversas mudanças e é extremamente importante que o trabalhador e trabalhadora procurem informações corretas e atualizadas sobre o tema. O Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e Região (SMetal), inclusive, oferece o serviço de plantão específico sobre o tema para os associados à entidade e seus dependentes.

Entre os direitos concedidos pela Previdência Social estão: aposentadoria (por idade, por tempo de contribuição, por invalidez e especial); auxílios doença, acidente, e reclusão; salários Família e Maternidade, além da pensão por morte.

O Plantão Previdenciário do SMetal é realizado toda quarta-feira, no período da tarde; quando é feita uma consultoria inicial, bem como o cálculo para saber se o associado está no tempo do direito à aposentadoria.

Mas, antes disso, é necessário que o associado ou dependente entre em contato pelo (15) 3334-5401 ou (15) 99833-0308 (WhatsApp) e agende um horário com uma das advogadas previdenciárias. Todo o atendimento e envio de documentos é realizado por telefone, WhatsApp ou e-mail devido à pandemia da Covid-19.

Segundo a advogada previdenciária, Osana Leite, o caso mais frequente no plantão do SMetal é sobre cálculo de tempo de serviço, com análise de PPP (Perfil Profissiográfico Previdenciário), visando sempre a melhor aposentadoria para o associado. “Após a Reforma da Previdência, ocorrida em novembro de 2019, as regras para aposentadoria foram alteradas significativamente. Então buscamos, através deste cálculo, a melhor regra de transição ou hipótese de aposentadoria”, assegura.

Ela conta ainda que, durante a pandemia, além desse tipo de atendimento, houve um aumento significativo em ações de pedido de restabelecimento de auxílio por incapacidade temporária (auxílio-doença) e pagamento de valores atrasados, devido aos inúmeros casos da Covid-19 e a falta de estrutura do INSS para atender todas as demandas de forma digital.

“Atendemos ainda muitas demandas também de salário maternidade, para as mulheres que tiveram filhos de forma natural ou para as pessoas que realizaram a adoção. Neste caso, é realizado o cálculo da carência necessária e requerimento do benefício”, explica Osana.

Outros casos comuns atendidos pelas advogadas previdenciárias são em relação ao cálculo da carência necessária para obtenção do benefício e requerimento de pensão por morte, além de revisões de aposentadoria, que podem ocorrer até 10 anos após o primeiro pagamento do benefício.

“Muitas vezes, o aposentado recebe um valor inferior ao que deveria de fato receber, isso por causa de uma análise equivocada do INSS”, explica. Segundo ela, esses e outros serviços são realizados a partir do envio e análise de todos os documentos necessários.

Além do plantão previdenciário, os associados e dependentes do SMetal contam com atendimento nas áreas cível e trabalhista. Para agendar um horário, é só entrar em contato pelo (15) 3334-5401 ou (15) 99833-0308 (WhatsApp).

Deixe seu Recado