SMetal

Imprensa

Editorial

Palavra da diretoria - A categoria metalúrgica como protagonista social

Terça-feira, 07 de Julho de 2015 - 15:20 - Atualizado em 27/12/2016 14:01
Imprensa SMetal

,
O objetivo da entidade é ampliar o processo de comunicação para fora do chão da fábrica
A palestra do jornalista e apresentador do Domingo Espetacular, da Rede Record, Paulo Henrique Amorim, na sede do SMetal, sábado, dia 4, referendou o esforço do Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e Região (SMetal) em ampliar o processo de comunicação para fora do chão da fábrica.

Além disso, a presença de mais de trezentas pessoas na plateia, entre estudantes, professores de escolas técnicas e faculdades, profissionais liberais, funcionários públicos, representantes de movimentos sociais, culturais e entidades sindicais de Sorocaba e região, reforçou a organização da categoria metalúrgica como protagonista social.

Todos ouviram Paulo Henrique Amorim apontar os elementos que formam uma imprensa golpista (um verdadeiro partido de direita), que se articula para fabricar notícias tendenciosas com opiniões conservadoras que atacam diretamente a classe trabalhadora. Na palestra e no dia a dia do seu blog Conversa Afiada, Paulo Henrique Amorim aponta como a imprensa é utilizada pela elite para manipular e massificar opiniões nocivas à própria democracia.

Por ser um importante instrumento de luta de classes, devemos nos apropriar da comunicação. Por isso, ampliamos e lançamos novas mídias no sábado, 4, antes da palestra do jornalista. Para fazer o contraponto democrático e prestar informações à categoria metalúrgica e para a sociedade.

Nossa categoria sempre esteve à frente de seu tempo planejando e agindo de forma a ampliar a capacidade da luta sindical. A trajetória de luta dos metalúrgicos inclui duros enfrentamentos em tempos de greves históricas e também a busca de cidadania, com inclusão social por meio da contribuição da entidade na fundação do Banco de Alimentos e do Centro de Estudos e Apoio ao Desenvolvimento, Emprego e Cidadania (Ceadec).

Mais um motivo para seguirmos orgulhosos de estarmos no caminho certo, de sermos protagonistas de uma história da classe trabalhadora que se envolve na fábrica e na sociedade, com compromisso cidadão.

O lançamento dessas novas mídias (revista Ponto de Fusão, Folha Metalúrgica bissemanal e o novo portal de notícias), no evento que envolveu a palestra de Paulo Henrique, marca um novo ciclo do Sindicato. A defesa por uma comunicação feita por informações claras e objetivas, de interesse da classe trabalhadora, sem manipulações. Essa é nossa reação frente ao avanço de pautas conservadoras.

Daí que a comunicação e formação andam juntas. Uma proposta para dialogar com todos. Visto que quem trabalha na fábrica está inserido na sociedade e, por isso, o Sindicato não pode e não vai se retirar desse enfrentamento.

Deixe seu Recado