SMetal

Imprensa

Conquista

Movimento estudantil da UFSCar consegue barrar aumento no restaurante

Terça-feira, 12 de Junho de 2018 - 10:59
Imprensa SMetal

Ufscar,, Beatriz Mendes de Carvalho (de Sorocaba)
Durante exaustiva reunião do Conselho Universitário estudantes conseguem barrar o aumento abusivoBeatriz Mendes de Carvalho (de Sorocaba)
Estudantes conseguem barrar o aumento de 122% no valor do Restaurante Universitário (R.U) da UFSCar, com votação realizada durante a reunião do Conselho Universitário (Consuni) da UFSCar, nesta segunda-feira, 11, com professores, alunos e representantes da reitoria.

O valor continua o de R$ 1,80 até que uma comissão composta por representantes discente, docente e da reitoria possam estudar o valor adequado para o R.U.

A UFSCar, com seus quatro campi (Araras, Buri, São Carlos e Sorocaba), vem sofrendo cortes de investimentos, assim como as demais federais, sob o governo Temer. Mas, para o movimento estudantil organizado, isso não pode ser motivo para um aumento abusivo que prejudicaria a continuidade do estudo dos estudantes.

A reunião desta segunda foi continuação da de sexta-feira, 8, na qual a reitora Wanda Hoffman tentou uma manobra de barrar o diálogo, mais uma vez, e desviar a pauta, que era o aumento de 122% no Restaurante Universitário. Ela quis discutir apenas a “ilegalidade” da ocupação do campus pelos estudantes – que em Sorocaba – durou 30 dias.

Para isso, a reitora levou pra reunião o juiz Leonardo Estevam de Assis Zanini, que participou como convidado para "sanar dúvidas" referentes a ocupação, o que serviu para reforçar a tentativa de criminalizar o movimento, bem como as e os docentes e demais funcionário/as que apoiam a causa. 

De acordo com o movimento estudantil, ele falou por uma hora e soltou pérolas como “"invasão de prédio público é criminal" “vim aqui ensinar Direito para vocês”.
Mas também deu provas de não conhecer a política da universidade e demonstrou não saber sobre a legalidade do próprio Conselho da instituição para qual foi convidado.
A reunião acontece em São Carlos, com vídeo-conferencia no campus em Sorocaba.

 

Deixe seu Recado