SMetal

Imprensa

Campanha Salarial

INPC está acumulado em 9,6% desde a última data-base

Quinta-feira, 13 de Agosto de 2015 - 11:11 - Atualizado em 27/12/2016 14:07
Imprensa SMetal

,
A inflação do mês de agosto/2015 será apurado no início de setembro
A inflação medida pelo INPC/IBGE fechou o mês de julho em 0,58%. O índice vem apresentando queda nos últimos quatro meses. Mesmo assim, no acumulado desde setembro do ano passado, última data-base dos metalúrgicos, as perdas salariais já estão acumuladas em 9,61%.

Esses 9,61% representam o INPC dos últimos 11 meses. Ainda falta incluir a inflação de agosto para saber o total de perdas salariais da categoria metalúrgica para a próxima data-base, que é 1º de setembro deste ano.

Os cálculos foram formulados pela subseção do Dieese dos Metalúrgicos de Sorocaba.

Além da reposição integral das perdas salariais, a Federação Estadual dos Metalúrgicos da CUT (FEM), da qual o SMetal faz parte, reivindica aumento real de salários e avanços nas cláusulas sociais da Convenção Coletiva.

"Os salários dos trabalhadores já estão corroídos em quase 10%. Não vamos abrir mão da reposição das perdas e de um aumento real, que proteja o poder de compra
da categoria nos próximos meses", afirma Ademilson Terto da Silva, presidente do SMetal.

O QUE É INPC
• O Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) faz o levantamento mensal da inflação entre famílias com renda de um a cinco salários mínimos. O levantamento é feito nas principais regiões metropolitanas do país.

• Os preços são coletados em estabelecimentos comerciais e de prestação de serviços, concessionárias de serviços públicos e nas residências (para levantamento de aluguel e condomínio).

• A pesquisa do INPC envolve mais de 400 itens, como alimentação na residência, alimentação fora do domicílio, habitação, vestuário, transportes, saúde, recreação, cuidados pessoais, entre outros.

Deixe seu Recado