SMetal

Imprensa

Aparecidinha

Grupo Imagem participa de Romaria neste domingo

Terça-feira, 07 de Julho de 2015 - 17:34 - Atualizado em 27/12/2016 14:01
Imprensa SMetal

,
A imagem de Nossa Senhora Aparecida será levada da Catedral Metropolitana de Nossa Senhora da Ponte para o Santuário, em Aparecidinha
Neste domingo, dia 12, acontece a tradicional Romaria de Aparecidinha para levar a imagem de Nossa Senhora Aparecida da Catedral Metropolitana de Nossa Senhora da Ponte para o Santuário, em Aparecidinha, onde ficará até 1º de janeiro de 2015.

O Grupo Imagem Núcleo de fotografia e Vídeo de Sorocaba, parceiro do SMetal, mais uma vez acompanhará os fiéis em Romaria, como faz de costume todos os anos.

O presidente do Grupo, Edeson Souza, convida todos os fotógrafos a participar. O ponto de encontro será a Padaria Real, da avenida engenheiro Carlos Reinaldo Mendes, 2.650, no Alto da Boa Vista, as 6h45, onde os fotógrafos se juntarão à Romaria no início da Avenida Três de março até Aparecidinha.

A celebração religiosa terá início às 5h com uma missa na Catedral Metropolitana, comandada pelo arcebispo Dom Eduardo Benes de Sales Rodrigues. De acordo com a tradição, a imagem de Nossa Senhora Aparecida sairá às 5h40 e seguirá ao bairro de Aparecidinha levada pelos fiéis. A romaria passará pelas ruas São Bento e XV de Novembro, cruzará a ponte Maurício Dellosso e continuará na avenida São Paulo. Haverá uma parada na Santa Casa de Misericórdia de Sorocaba e, na sequência, os participantes caminharão pela rua Padre Madureira e pelas avenidas Engenheiro Carlos Reinaldo Mendes e Três de Março.

A previsão é de que a imagem chegue ao bairro por volta das 10h. O padre José Antônio Leite de Oliveira fará a celebração de uma missa campal em frente ao Novo Santuário.

Em seguida, a imagem de Nossa Senhora Aparecida será levada à antiga igreja e, ao meio-dia, uma cerimônia será feita no largo Antônio José da Silva sob o comando do padre Rubens da Silva Damalzo, da Paróquia Nossa Senhora do Carmo.

História

Várias fontes indicam que o movimento de católicos ao bairro de Aparecidinha, em romaria, teve início em 1804. Ele acontecia, mas de forma descontinuada. Num artigo de 1852, do jornal "O Defensor", fala-se da romaria como um evento tradicional no qual o costume era levar a imagem de Nossa Senhora Aparecida para o centro da cidade em momentos difíceis, como nos períodos de seca, enchentes ou epidemias.

Ainda durante o surto da febre amarela, no final do século XIX, os devotos de Nossa Senhora pediam a cura da doença, potencializando o costume de se levar a santa até a cidade para abençoar o povo.

Neste período, Monsenhor João Soares, pároco da Matriz Nossa Senhora da Ponte (atual Catedral) fixa as datas da Romaria: 01 de Janeiro, saindo da Igreja de Aparecidinha para a Catedral e o segundo domingo de Julho para o retorno da santa ao centro de Sorocaba.

Milhares de pessoas participam da procissão todos os anos em veneração à Nossa Senhora Aparecida, em agradecimento e em súplica.

Deixe seu Recado