SMetal

Imprensa

Economia

Estudo do Ipea mostra a urgência de taxar acionistas

Quinta-feira, 24 de Setembro de 2015 - 13:51 - Atualizado em 27/12/2016 14:14
Imprensa SMetal

,
Imagem da Bolsa de valores
O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) divulgou, neste mês, um estudo que comprova que se o governo brasileiro cobrasse 15% de imposto de renda sobre os lucros e dividendos recebidos por acionistas de empresas, que resulta em R$ 43 bilhões por ano, seria suficiente para cobrir o rombo orçamentário previsto para 2016.

Para o vice-presidente do SMetal, Tiago Almeida do Nascimento, "se o trabalhador paga imposto sobre o salário, os acionistas deveriam pagar imposto de renda sobre seus dividendos".

Deixe seu Recado