SMetal

Imprensa

Campanha Salarial

Empresas do Grupo 10 se negam a conceder reajuste e direitos

Quinta-feira, 07 de Novembro de 2019 - 10:23 - Atualizado em 07/11/2019 10:43
Imprensa SMetal

rev, grupo 10, g10, fachada, negociação,, Arquivo/Foguinho Imprensa SMetal
EM NEGOCIAÇÃO: Na REV Brazil, em Sorocaba, o Sindicato já se reuniu com a empresa para negociar, mas ainda não há proposta fechadaArquivo/Foguinho Imprensa SMetal
g10, grupo 10, tabela,, Divulgação
Empresas do G10 com mais de 50 trabalhadores que não tem acordo de Campanha SalarialDivulgação
Diversas empresas do Grupo 10, formado predominante por pequenas e micro empresas de manutenção industriais, funilarias, entre outras, continuam emperrando as negociações da Campanha Salarial 2019. Por isso, a diretoria do Sindicato dos Metalúrgicos (SMetal) reitera o pedido ao trabalhador que não teve reajuste nos salários e Acordo Coletivo de Trabalho assinado que denuncie à entidade.

As denúncias podem ser feitas pelos telefones (15) 3334-5404 e (15) 3334-5445 ou pelo Portal SMetal, no campo Denuncie.

Até a manhã desta quinta-feira, 7, haviam 90 acordos fechados entre o SMetal e empresas do G10, que abrangem mais de 650 trabalhadores. Ao todo, aproximadamente 93% dos metalúrgicos representados pelo Sindicato já garantiram reajuste nos salários e renovação da Convenção ou Acordo Coletivo.

Para pressionar as empresas a negociarem com o SMetal, semanalmente, o Sindicato vai divulgar algumas das fábricas que se negam a conceder direitos e reajuste aos trabalhadores. Nesta semana, a denúncia é de empresas do G10 com mais de 50 trabalhadores (confira a lista ao lado).

“Vamos continuar cobrando e buscando a valorização nos salários e as cláusulas sociais, mas é extremamente importante que os trabalhadores denunciem as empresas para que o Sindicato consiga garantir acordo para o maior número de trabalhadores”, afirma o presidente do SMetal, Leandro Soares.

Convenção Coletiva

Já estão disponíveis no Portal SMetal os aditamentos às Convenções Coletivas do G2, G3, Fundição, Sindicel e Sindratar, com os pisos e salários reajustados, e também as CCTs completas do G8.2 e G8.3. Acesse aqui.

Deixe seu Recado