SMetal

Imprensa

Hospital Municipal

Edital para construção foi prometido para julho de 2014

Sexta-feira, 08 de Maio de 2015 - Atualizado em 27/12/2016 13:53
Imprensa SMetal

O SMetal foi um dos organizadores da campanha por assinaturas para a construção de um Hospital Municipal em Sorocaba por meio de um projeto popular, que se transformou na Lei 10.419/2013. O idealizador da campanha foi o vereador metalúrgico Izídio de Brito (PT), ex-presidente do Sindicato. O projeto conseguiu mais de 26 mil assinaturas de eleitores sorocabanos.

A Câmara aprovou e promulgou a proposta, mas para tentar barrar a Lei, o prefeito entrou com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) no Tribunal de Justiça (TJ-SP), em junho de 2013. Na época Pannunzio justificou que a iniciativa popular é inconstitucional porque caberia somente à Prefeitura propor a Lei do Hospital.

Não por acaso, durante campanha eleitoral, Pannunzio prometeu a construção de um hospital na zona norte, mudando a nomenclatura para hospital de clínicas ao invés de hospital municipal.

Mesmo assim, o mandato do prefeito não cumprirá a promessa e nem de longe atenderá os anseios da população na área da saúde.

Cobranças

Devido a demora na construção do hospital foi realizada em maio de 2014, uma audiência pública na Câmara Municipal, que contou com o então secretário de saúde Armando Raggio. Ele afirmou que o edital deveria ser publicado em julho daquele ano. Mas até agora (maio de 2015) o Executivo segue sem lançar o edital.

Deixe seu Recado