SMetal

Imprensa

São Bernardo

Dirigentes de todo o Estado participam de reunião da Direção Plena da FEM

O vice-presidente da CUT/SP, Douglas Izzo, socializou os preparativos do 14º CECUT

Quarta-feira, 08 de Julho de 2015 - 11:07 - Atualizado em 27/12/2016 14:01
FEM/Viviane Barbosa

,
Douglas, Luizão, Carpinha e Paixão
O vice-presidente da CUT/SP, Douglas Martins Izzo, e dirigente da Apeoesp (considerado o maior sindicato da América Latina da rede estadual de ensino no Estado de São Paulo) participou nesta terça-feira (7) da reunião da Direção Plena da FEM-CUT/SP, realizada na sede da Federação, em São Bernardo do Campo. Participaram dirigentes dos 15 sindicatos metalúrgicos filiados no Estado.

Na ocasião, Douglas agradeceu o apoio dos metalúrgicos à greve dos professores, que durou 92 dias, e destacou que o Estado de São Paulo precisa urgente de um novo projeto que una os trabalhadores do campo e da cidade. "Há quase 30 anos, nosso Estado não conhece outra experiência, apenas a política da direita e da exclusão. Somos a terceira maior Central sindical no Estado, precisamos avançar no projeto da CUT no Estado, que dialogue com a população", explica.

Douglas também socializou os preparativos do 14º Congresso Estadual da CUT São Paulo (CECUT), que abordará o tema "Por um Projeto Popular para Mudar São Paulo, que acontecerá nos dias 25 a 28 de agosto, em Águas de Lindóia (SP).

Neste CECUT, a eleição dos delegados e delegadas e as propostas de resolução, plano de lutas, emendas ao estatuto e moções ao 14º CECUT serão discutidos previamente, até 20 de julho, em Assembleias de Base realizadas pelos sindicatos cutistas em todo o Estado.

Serão definidas, por meio de assembleias nas bases, propostas sobre temas de interesse dos trabalhadores (as), do ramo, da categoria ou da região ligada à base de representação do sindicato.
O presidente da CUT/SP, Adi dos Santos Lima, também participou da reunião. O assessor político da Federação, Paulo Vanucchi, fez uma análise da conjuntura para os sindicalistas.

,
Imagem

Campanha Salarial

Durante a reunião Plena, o presidente da FEM, Luiz Carlos da Silva Dias, o Luizão, socializou os encaminhamentos da Campanha Salarial, destacando a realização dos atos de lançamento em Diadema, Pindamonhangaba e São Carlos e a entrega de pautas para os setores patronais, ocorrida no último dia (3). "Entregamos sugestões de datas de negociação e a expectativa é iniciar as rodadas na primeira quinzena de julho", conta Luizão.

Cursos de Formação

Os dirigentes dos sindicatos filiados tomaram conhecimento dos novos Cursos de formação política promovidos pelo Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, que serão ministrados em parceria com a Fundação Perseu Abramo e o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

As atividades serão ministradas na Escola Livre para Formação Integral "Dona Lindu", na Regional Diadema.

A programação e os conteúdos dos novos cursos foram apresentados pelo diretor de Organização do Sindicato, José Roberto Nogueira da Silva, Bigodinho, e pelo diretor da Escola Livre para Formação Integral "Dona Lindu", Gilberto Alvarez Giusepone Júnior, o professor Giba.

Serão disponibilizadas vagas para os dirigentes interessados.

Conteúdos

Nos cursos em parceria com o Dieese, serão três módulos, somando 24 horas e trabalharão os temas: sociedade atual, conflitos e contradições; características históricas da estrutura e ação sindical; estruturação e elementos da Política Nacional de Saúde e Segurança no Trabalho; entre outros, serão os temas abordados

Já com relação à parceria com a Fundação Perseu Abramo, serão quatro módulos, totalizando 20 horas, no qual serão discutidos introdução à política, metodologias de análise e experiência do governo pós-neoliberais.

Deixe seu Recado