SMetal

Imprensa

Benefício

CUT propõe o acréscimo de duas parcelas do seguro-desemprego

Quarta-feira, 29 de Junho de 2016 - 14:27 - Atualizado em 27/12/2016 14:56
Imprensa SMetal

,
A proposta é de que trabalhadores demitidos das áreas mais afetadas por demissões, recebam um acréscimo de duas parcelas no salário desemprego
A CUT vai defender o acréscimo de duas parcelas do seguro-desemprego para trabalhadores que foram demitidos entre janeiro e junho de 2016 na próxima reunião do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat), que acontece nesta quarta-feira, dia 29.

Segundo o secretário de Administração e Finanças da CUT e conselheiro no órgão, Quintino Severo, a proposta é que sejam beneficiados trabalhadores que atuam nas áreas mais afetadas pelas demissões.

"Esperamos receber o apoio de empresários, do governo e, obviamente, da bancada dos trabalhadores", afirmou.
O Dieese está realizando um estudo que determina quais categorias e estados foram mais afetados pelo desemprego para embasar a proposta. A medida pode ser votada ainda na quarta-feira.

Deixe seu Recado