SMetal

Imprensa

Estabilidade

Com proteção ao emprego e PPR 2020, acordo é aprovado na Gestamp

Votação eletrônica teve 93,03% dos votos favoráveis; negociação realizada pelo SMetal garante estabilidade no emprego até dezembro e que o valor do PPR não será afetado pelo período de suspensão ou redução.

Sexta-feira, 19 de Junho de 2020 - 18:05 - Atualizado em 20/06/2020 18:56
Imprensa SMetal

gestamp, scórpios, ncsg, assembleia, fachada, contrato,, Foguinho/Arquivo Imprensa SMetal
A NCSG Gestamp atua no segmento de estamparia de metais e fica na nova zona industrial, próximo a ToyotaFoguinho/Arquivo Imprensa SMetal
O acordo negociado pelo Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e Região (SMetal), que garante o pagamento do Programa de Participação nos Resultados (PPR 2020), redução de jornada com melhores condições da que a MP 936 e outros itens, foi aprovado pelos trabalhadores da NCSG Gestamp (antiga Scórpios). A votação eletrônica foi realizada nos dias 18 e 19 deste mês, pelo Portal SMetal.

A empresa conta com 403 funcionários, dos quais 373 (92,56%) votaram na assembleia. Desses, 347 (93,03%) foram a favor do acordo, 19 (5,09%) contrários e 7 (1,88%) se abstiveram. A votação eletrônica foi realizada em plataforma exclusiva que garante participação e sigilo do voto dos trabalhadores, além de assegurar a saúde e segurança de todos.

Para o PPR 2020, o Sindicato garantiu, após intensa negociação, o pagamento em duas parcelas. A primeira está prevista para julho de 2020. Já a segunda parcela será paga fevereiro do ano que vem.

De acordo com o secretário-geral do SMetal, Silvio Ferreira, o acordo é resultado do intenso trabalho que a entidade vem realizando. “Em sua história, o Sindicato nunca fugiu à luta e sempre esteve disposto a defender toda a categoria. Não seria diferente agora, com a crise da Covid-19, quando os trabalhadores mais precisam da nossa atuação. Garantir o PPR e outros pontos importantes é a segurança que todos precisam para atravessar esse momento difícil”.

A negociação do PPR 2020 garante que os valores não serão afetados pelo período que os trabalhadores estiveram em suspensão de contrato e de redução de jornada.

Estabilidade até dezembro

Na mesma assembleia eletrônica, os trabalhadores da Gestamp aprovaram o acordo para redução de jornada e salário. A medida negociada pelo Sindicato assegurou melhores condições e remuneração do que as previstas na Medida Provisória 936, além de estabilidade no emprego por um tempo maior - até dezembro de 2020.

A dirigente sindical e integrante do CSE da Gestamp, Priscila Silva, lembra que o resultado da negociação é fruto de muito trabalho do Sindicato. “Os trabalhadores sabem que podem contar com uma entidade combativa, que luta pelos interesses e direitos da categoria. A união dos metalúrgicos é a força que precisamos para passar por essa crise”.

Sistemistas

A aprovação da proposta com a NCSG Gestamp encerra as negociações nas sistemistas da montadora Toyota. TT Steel, Kanjiko e Sanoh também conquistaram acordos que garantem melhores condições do que a MP 936.

Para Silvio Ferreira, que substituiu o ex-dirigente do SMetal João Farani, falecido no mês de abril deste ano, nas negociações com as sistemistas, os resultados são positivos. “Estamos diante da maior crise de saúde e economia da nossa geração. O mundo foi atingindo em cheio e não foi diferente para Sorocaba e região. Nosso compromisso é sempre estar ao lado dos trabalhadores, garantindo proteção ao emprego e a renda, e além disso, assegurar a saúde de todas e todas”.

A NCSG Gestamp atua no segmento de estamparia de metais e fica na nova zona industrial, próximo a Toyota.

Deixe seu Recado