SMetal

Imprensa

Eleições 2010

Com 50,5% dos votos, Dilma venceria no 1° turno, diz pesquisa

Em relação a pesquisa anterior, feita entre 20 e 22 de agosto, Dilma subiu 4,5% e Serra caiu 2,3 pontos percentuais

Terça-feira, 14 de Setembro de 2010 - Atualizado em 27/12/2016 11:54
Imprensa SMetal

A candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, mantém liderança folgada nas pesquisas e seria eleita no primeiro turno se as eleições fossem hoje. Levantamento do Instituto Sensus encomendado pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) e divulgado nesta terça (14) confirma a vantagem e mostra a petista com mais da metade das intenções de voto.

Ela aparece com 50,5%, contra 26,4% do tucano José Serra e 8,9% da candidata verde Marina Silva. A margem de erro da pesquisa é de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Nenhum dos outros candidatos à Presidência chegou a 1% das intenções de voto. Brancos e nulos somam 3,5% e indecisos, 9,1%.

A pesquisa ouviu 2 mil eleitores em 24 estados entre os dias 10 e 12 de setembro e foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o 29.517/2010.

Antes
No levantamento anterior do mesmo instituto, realizado entre 20 e 22 de agosto, a petista tinha 46% das intenções de voto, contra 28,1% de José Serra e 8,1% de Marina Silva.
Se comparado os dois levantamentos realizado num intervalo de 20 dias, a petista subiu 4,5%, enquanto Serra caiu 2,3 pontos percentuais. Marina Silva, por sua vez, oscilou 0,8 ponto percentual positivo.

Dilma também é a menos rejeitada pelos eleitores, segundo o último levantamento. A petista tem uma rejeição de 29,4%, contra 41,3% de Serra e 45% de Marina Silva.

O Instituto Sensus também fez uma simulação de um eventual segundo turno entre Dilma e Serra. A petista venceria com 55,5% dos votos, contra 32,9% do tucano. Brancos e nulos somaram 5,9% e indecisos, 5,7%

Deixe seu Recado