SMetal

Imprensa

mês de abril

Cesta básica sorocabana cresce pelo segundo mês e custa R$ 1.083,34

Somente nos últimos dois meses, aumento foi de 10,83%; produtos com maiores altas foram: batata (24,79%), frango (21,79%), óleo de soja (11,59%), extrato de tomate (11,16%) e leite longa vida (11,08%)

Sexta-feira, 06 de Maio de 2022 - 16:21
Imprensa SMetal

cesta, basica, sorocabana, alho, cebola, batata,, Foguinho/Imprensa SMetal
Batata foi o item que mais subiu de preço no mês abril, com um aumento de 24,79%Foguinho/Imprensa SMetal
Pelo segundo mês consecutivo de 2022, o preço da cesta básica sorocabana, que é composta por produtos de consumo básico, subiu consideravelmente. Desta vez, a alta entre os meses de março e abril foi de 5,23%, passando de R$ 1.029,46 para R$ 1.083,34, ou seja, R$ 53,88 pagos a mais pela população. Somente nos últimos dois meses, o aumento foi de 10,83%.

Em abril, dos 34 itens que compõem a cesta básica sorocabana, 27 deles subiram de valor. Os produtos que tiveram as maiores altas de preços no mês de abril foram: batata (24,79%), frango (21,79%), óleo de soja (11,59%), extrato de tomate (11,16%) e leite longa vida (11,08%).

Os únicos itens que não tiveram aumento foram: salsicha, alho, creme dental, vinagre, água sanitária, arroz e detergente. Os dados são analisados e divulgados pelo Laboratório de Ciências Sociais Aplicadas da Universidade de Sorocaba (UNISO).

Leandro Soares, presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e Região (SMetal), lembra que, além dos itens básicos que constam na cesta básica sorocabana (alimentação, produtos de higiene pessoal e de limpeza), o trabalhador tem outros custos mensais, como energia elétrica, transporte e saneamento básico.

“Somente com transporte público, o trabalhador sorocabano teve que desembolsar cerca de R$ 180 de passe de ônibus em abril. Se somarmos com o valor da cesta básica, o total gasto no mês ultrapassou o preço de um salário mínimo, atualmente de R$ 1212. A conta nunca fecha”, critica Leandro.

E completa: “Infelizmente, a população mais pobre é quem vem sendo cada vez mais prejudicada pela atual situação político-econômica do país. Se nada mudar, teremos dias cada vez mais tenebrosos pela frente”, critica Leandro.

Campanha Salarial 2022

No próximo dia 11 será divulgado, pelo IBGE, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do mês de abril, que é utilizado de parâmetro para as negociações da data-base da categoria metalúrgica da CUT no estado de São Paulo. Até março, a inflação desde setembro de 2021 está acumulada em 7,54%.

“Temos um desafio bastante difícil na categoria pela frente. Além dos ataques constantes que a nossa categoria e a classe trabalhadora vêm sofrendo no nosso país, a inflação descontrolada tem impactado diretamente no bolso do trabalhador. Mas com a unidade dos Sindicatos e da classe trabalhadora, nós iremos reverter esse atual cenário”, assegurou Leandro Soares.

Deixe seu Recado