SMetal

Imprensa

Solidariedade

Campanha Natal sem Fome começa a receber doações

Por questões de segurança, o SMetal decidiu não realizar os tradicionais mutirões nos bairros e supermercados; Arrecadação de alimentos continua nos pontos fixos e nas fábricas; informações e doações pelo (15) 3334-5416 ou (15) 99842-3796 (WhatsApp).

Quinta-feira, 10 de Dezembro de 2020 - 09:39 - Atualizado em 10/12/2020 14:50
Imprensa SMetal

alimento, campanha, natal, entrega, cesta,, Caroline Queiróz Tomaz
A campanha encerra no dia 23 de dezembro, com a entrega das cestas de alimentos montadas na sede do SMetalCaroline Queiróz Tomaz
As doações para o “Natal sem Fome 2020” começaram a chegar à sede do Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e Região (SMetal), organizador da campanha. No final da arrecadação, no dia 23 de dezembro, esses alimentos vão ajudar a completar a mesa de centenas de famílias de Sorocaba e região em situação de vulnerabilidade social neste fim de ano.

Essas doações estão chegando de fábricas metalúrgicas, de trabalhadores – por meio das caixas que estão instaladas no local de trabalho e em outros pontos fixos – e de empresas e associações que procuraram a entidade para fazer a sua contribuição.

cadunico, pobreza, fome, sorocaba,, Dados do CadÚnico, de Agosto/2020
Números da pobreza e extrema pobreza em SorocabaDados do CadÚnico, de Agosto/2020
O secretário de administração e finanças do SMetal, Tiago Almeida do Nascimento, que também é presidente do Banco de Alimentos de Sorocaba, conta que, por decisão dos organizadores, neste ano não haverá os tradicionais mutirões nos supermercados e bairros da cidade devido a pandemia da Covid-19.

“Em Sorocaba, ultrapassamos o número de 500 mortes pela doença nesta semana e os casos só vêm aumentando. Por segurança e respeito aos voluntários e aos moradores da cidade, decidimos cancelar os mutirões”, explica.

A pandemia da Covid-19 e a falta de ações efetivas dos atuais governantes para enfrentamento à crise também têm sido um grande agravante no crescimento da desigualdade no país. Por isso, campanhas como o Natal sem Fome são imprescindíveis neste ano.

“Se antes dessa crise já tínhamos números preocupantes de famílias em situação de pobreza e extrema pobreza no país, a falta de políticas efetivas de combate à fome e de distribuição de renda durante a pandemia, só agrava ainda mais esse cenário. Com a solidariedade das pessoas, podemos garantir comida na mesa de quem tanto precisa”, enfatiza Tiago.

Saiba como ajudar: Informações e doações pelo (15) 3334-5416; (15) 99842-3796 (WhatsApp) ou pelo e-mail [email protected] 

 

Deixe seu Recado