SMetal

Imprensa

Economia

Banco do Brasil irá fechar sete agências na região

Segunda-feira, 21 de Novembro de 2016 - 14:40 - Atualizado em 27/12/2016 15:29
Jornal Cruzeiro do Sul

,
A agência da avenida Ipanema é uma das que serão fechadas em Sorocaba
O Banco do Brasil (BB) anunciou, neste domingo, dia 20, um plano de reestruturação que deverá fechar agências e enxugar a estrutura administrativa do banco em todo o País. Somente na Região Metropolitana de Sorocaba (RMS), que compreende 27 cidades, a medida irá afetar no total 14 agências bancárias em 10 cidades. Desse total, sete serão encerradas e a outra metade transformada em postos de atendimento. Sorocaba é a cidade da RMS que mais terá unidades do BB fechadas, sendo três no total, além de duas que irão se tornar postos. O BB alega que o encerramento das agências e a implantação das demais medidas ocorrerá ao longo de 2017 e será precedido por ampla comunicação aos clientes em canais diversificados.

Segundo dados divulgados nesta segunda-feira (21) pela assessoria de imprensa do BB, Sorocaba tem três agências que deverão ser encerradas, são elas: a da Rua Padre Luiz (4262) no Centro, a do Extra Sorocaba (4528), e a da avenida Ipanema (7008), na zona norte da cidade. Além disso, outras duas agências da cidade deverão ser transformadas em postos de atendimento: a do Sorocaba Shopping (3363) e a do São Felipe (6856), na rua Hermelino Matarazzo.

Além dessas, os municípios que também terão agências fechadas são: Boituva (6686 - Águia da Castelo), Porto Feliz (6579 - Coronel Esmedio), São Miguel Arcanjo (6772 - Capital da Uva), e São Roque (6564 - Praça da Matriz). Já as cidades que terão agências transformadas em postos além de Sorocaba são: Ibiúna (6643 - Rua XV), Itu (4656 - Plaza Shopping), Mairinque (6817 - São José), Piedade (6630 - Nossa Senhora de Piedade), e Tietê (6540 - Praça Elias).

O BB informa também que a migração de clientes atendidos em agências fechadas será automática, e que não haverá mudança de cartões e senhas para transações na nova agência, mesmo que haja alteração no número da conta. O banco vai comunicar a mudança via site, SMS, aplicativo para celular, caixa eletrônico, correspondências e cartazes nas agências.

No Brasil, o total de agências que serão fechadas é de 781, sendo que desse total 379 serão transformadas em postos de atendimento. De acordo com o BB, o número de agências afetadas corresponde a 14% do total de 5.430 espalhadas por todo o País, sendo que 51 começaram a ser encerradas em outubro. Com a justificativa de tornar sua estrutura mais eficiente e ampliar o investimento no atendimento digital para aumentar a eficiência operacional, o BB alega que pretende economizar R$ 750 milhões, sendo R$ 450 milhões com a nova estrutura organizacional e R$ 300 milhões com redução de gastos com transporte de valores, segurança e despesas com os imóveis. As mudanças também devem permitir à instituição diminuir em quase 10 mil o número de funcionários, que hoje são 109 mil. Para isso, será aberto um programa de incentivo à aposentadoria, com adesão totalmente voluntária.

Apesar das mudanças, o BB explica que a principal diferença entre agências e postos de atendimento é que na primeira existe um gerente geral, e no posto de atendimento não, ou seja, no posto há uma complexidade administrativa menor. Já em relação aos funcionários das agências afetadas, o banco afirma que a ideia é que todos os trabalhadores sejam realocados, se possível, no mesmo município.

Também serão enxugadas 31 superintendências regionais, e três diretorias serão extintas, com funções redistribuídas para outras áreas.

Mudança de horário

No início do mês, o Banco do Brasil já havia anunciado mudanças nos horários das agências, que começam a valer a partir do dia 28 próximo. Com isso, o horário de funcionamento das salas de autoatendimento, onde ficam os caixas eletrônicos em Sorocaba e outras quatro cidades da RMS, também irão sofrer alterações, já em função das agências que serão fechadas e das que serão transformadas em postos de atendimento. A medida foi adotada em todo o Estado por conta de ataques com explosivos aos equipamentos, e para, segundo a instituição financeira, garantir a segurança patrimonial e dos clientes. Em Sorocaba, somente três agências vão oferecer acesso aos caixas nos finais de semana, das 6h às 22h. São elas a da rua XV de Novembro, a da avenida São Paulo e ainda a instalada no Sorocaba Shopping.

Deixe seu Recado