SMetal

Imprensa

Cultura

Associados terão cinco vagas para curso com artistas da região

Com a parceria firmada pelo SMetal, o projeto reserva cinco vagas exclusivas para associados e dependentes do Sindicato

Quinta-feira, 25 de Janeiro de 2018 - 14:04 - Atualizado em 25/01/2018 16:08
Imprensa SMetal

Aclowndemia , Divulgação
O projeto cultural Aclowndemia foi idealizado pelos atores e professores Samir Jaime e Bruna Walleska, com o patrocínio da Linc/2017Divulgação
Artistas de Sorocaba e região darão curso de formação e aperfeiçoamento cômico, voltado para a arte da Palhaçaria, a partir de março, na sede do Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e Região (SMetal).

O projeto cultural chama-se Aclowndemia e foi idealizado pelos atores e professores Samir Jaime e Bruna Walleska, com o patrocínio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura (Linc/2017).

As inscrições seguem até o dia 31 de janeiro para a comunidade em geral (são 20 vagas) e para os associados e dependentes do SMetal as inscrições podem ser feitas até o dia 5 de fevereiro (são 5 vagas).

Após dez dias do encerramento das inscrições haverá uma seleção realizada pelos idealizadores do projeto. Para se inscrever é preciso acessar o site e preencher a ficha de inscrição no link.

O curso gratuito tem duração de 7 meses – de março de 2018 a setembro de 2018 – todas as segundas e quartas, das 19h às 22h, contando também com apresentações artísticas abertas ao público em determinados finais de semana.

A grade curricular inclui a formação para palhaço de picadeiro, palhaço de rua e técnicas como acrobacias, malabares, entre outras.

Os professores desse centro de treinamento cômico, ginástica do riso e estudos de Palhaçaria, são Alexandre Leite (pianista profissional) que dará Expressão Vocal; Bruna Walleska (palhaça, atriz e diretora de teatro); Carlos Doles (ator profissional); Chico Neto (palhaço, ator e diretor de teatro), Dani Silva (atriz profissional); Gabriel Manzini (licenciado em educação física e técnico de esportes radicais e recreação); Gui Martelli (ator de circo e teatro); Janaína Amaral (produtora cultural e palhaça); Paulo Galindo (palhaço e malabarista); Samir Jaime (ator, palhaço e pesquisador de artes) e Tom Ravazolli (professor de musicalidade).

Mais informações pelo e-mail: [email protected]É importante que os associados e dependentes que queiram fazer o curso ressaltem na ficha de inscrição que são sindicalizados do SMetal.

 

Sede de Cultura

Sob o teto do Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e Região (SMetal) a arte sempre teve abrigo.

Desde apoio ao teatro com a fundação do Espaço Cultural dos Metalúrgicos na sede, que teve como diretor artístico o dramaturgo Carlos Roberto Mantovani, que começou sua missão em 1992 e seguiu até o ano 2000.

Até inúmeros apoios e patrocínios para publicação de livros, CD`s, DVD´s e espetáculos musicais e teatrais, de artistas e grupos como João Leopoldo, Marcia Mah, Zé Bocca, Cia Imediata de Teatro, entre tantos artistas da região.

Conforme o secretário de administração e finanças, Tiago Almeida do Nascimento, em relação às artes, a intenção da diretoria, neste ano, é a de provocar a categoria e a sociedade sorocabana a interagir e a se apropriar da cultura local.

“Por isso, estamos oferecendo cursos de violão e de guitarra; formamos parceria para o projeto Girls Rock Camp, que ocorreu neste mês; cedemos o espaço do SMetal para o Aclowndemia e iniciaremos diversas oficinas e cursos voltados para canto, música e outras áreas artísticas”, afirma.

Deixe seu Recado