SMetal

Imprensa

Aula em campo

Alunos da Escolinha do São Bento voltam ao Humberto Reale

Segunda-feira, 23 de Setembro de 2019 - 16:35 - Atualizado em 23/09/2019 16:51
Imprensa SMetal

escolinha, são bento, humberto, reale, estádio, tremonti,, Daniela Gaspari/Imprensa SMetal
No dia 24 de agosto, os alunos da Escolinha do São Bento já tiveram a chance de jogar no Humberto RealeDaniela Gaspari/Imprensa SMetal
Na manhã deste sábado, dia 28, alunos da Escolinha de Futebol Oficial do São Bento terão aula no Centro de Treinamento do Azulão, o estádio Humberto Reale, na Vila Hortência, pela segunda vez. Com cerca de 60 crianças e adolescentes, de 7 a 14 anos, a Escolinha é uma realização do Sindicato dos Metalúrgicos (SMetal) e funciona no Clube de Campo da entidade, no Éden.

Segundo o coordenador da Escolinha e ex-jogador do São Bento, Tiago Tremonti, a aula especial é graças à parceria com o clube, que vem disponibilizando o local uma vez por mês. “A ideia é que, sempre que possível, os alunos possam ter contato com um campo de futebol de verdade. Por isso, conforme a agenda do São Bento, vamos marcando esses treinos”, explica.

As aulas terão início às 9h e serão divididas por categorias: das 9h às 10h, crianças de 7 a 9 anos; das 10h às 11h, de 10 a 12; e das 11h às 12h, de 13 e 14 anos. Como na primeira vez no campo do Humberto Reale, no último dia 24 de agosto, cada aula terá cerca de uma hora de duração, entre aquecimento, jogo e cobrança de pênaltis. Os pais e familiares podem acompanhar as aulas.

O estádio Humberto Reale, atualmente CT do São Bento, foi inaugurado em 1925 e já recebeu craques como Pelé, Pepe, Coutinho, Ademir da Guia, Rivellino e Sócrates.

Conheça a Escolinha

A Escolinha Oficial do São Bento conta com quase 60 alunos, meninos e meninas, que nasceram entre os anos de 2005 até 2012. As aulas acontecem na quadra de futebol society do Clube de Campo do SMetal, na Avenida Victor Andrew, 4.100, no Éden, de quartas e sextas-feiras.

A mensalidade é de R$ 50 para dependentes do SMetal e R$ 75 para a comunidade em geral. A matrícula terá custo de R$ 50, com direito a uma camisa da Escolinha.

Além de Tremonti, a Escolinha conta com a experiência do ex-jogador do Azulão Felipe Blau como professor. Para a aula experimental e mais informações, entre em contato pelo telefone: (16) 98144-2405.

 

Deixe seu Recado