SMetal

Imprensa

Corruptos

Aécio e Alckmin são vaiados em ato na Avenida Paulista

Quarta-feira, 16 de Março de 2016 - 12:12 - Atualizado em 27/12/2016 14:35
Imprensa SMetal

,
Gritos: Os tucanos Aécio Neves e Geraldo Alckmin foram vaiados na Avenida Paulista
O senador Aécio Neves e o governador do estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, ambos do PSDB, foram vaiados na chegada à Avenida Paulista neste domingo, dia 13. Aos gritos de "ladrão de merenda" e "corruptos", a participação dos tucanos na manifestação durou cerca de 30 minutos.

Aécio, citado por cinco pessoas diferentes na Operação Lava Jato; e Alckmin, cujo chefe da Casa Civil é investigado por enriquecimento ilícito e a gestão é afetada pelas denúncias de fraude no fornecimento da merenda escolar na rede pública de ensino, estavam acompanhados de deputados que são investigados por desvio de dinheiro público e superfaturamento.

Um deles é Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força (SD-SP), investigado por desviar dinheiro público do BNDES.

Outro réu no Supremo Tribunal Federal (STF), que acompanhava a comitiva tucana, era o deputado Nilson Leitão (PSDB-MT), investigado por superfaturamento na construção da BR-163 quando foi prefeito de Sinop (MT). Além desse processo, Leitão, que integra a bancada ruralista, é investigado no Supremo por corrupção passiva, incitação ao crime e formação de quadrilha.

Deixe seu Recado