SMetal

Imprensa

Dia do Trabalhador

1º de Maio do SMetal une cultura e repúdio à retirada de direitos

Programação contou com atrações como percussão, hip hop, MPB, rock, teatro e circo. Artistas usaram o microfone para protestar contra as reformas trabalhista e da previdência

Terça-feira, 02 de Maio de 2017 - 12:22 - Atualizado em 02/05/2017 14:38
Imprensa SMetal

 

1 de maio, trabalhador, detonautas, smetal, parque dos espanhóis, Foguinho/Imprensa SMetal
Mais de nove mil pessoas passaram pelo evento do SMetal; auge de público aconteceu durante o show do Detonautas, que reuniu mais de 5 mil pessoasFoguinho/Imprensa SMetal
Mais de nove mil pessoas compareceram ao ato político-cultural do Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e Região (SMetal), no dia 1º de maio, Dia do Trabalhador, realizado no Parque dos Espanhóis. “Nenhum Direito a Menos” foi o tema do evento, que faz parte da jornada de lutas e resistência contra os ataques aos direitos dos trabalhadores.

O ato contou com artistas locais e a banda Detonautas Roque Clube, no encerramento. Durante os shows e intervenções teatrais e circense, os artistas usaram o microfone para protestar contra as reformas trabalhista e da previdência. Como fizeram os músicos da Mad Dog Blues que abriram o show com a palavra de ordem “Primeiramente, Fora Temer”.

Blues, rock, MPB, hip hop e samba, todos os gêneros embalaram o público formado por todas as idades. A contadora Érika Francine de Oliveira Paula aproveitou a tarde ensolarada e levou os dois filhos, de 6 e 7 anos, para acompanhar a programação. “Chegamos logo no início do evento (14h) para assistir a banda de percussão Krucatá e o hip hop”.

A apresentação do evento foi feita pelo sindicalista e artista Benão de Oliveira.

 

Político-Cultural

Para a diretoria do SMetal, o saldo do evento foi um sucesso tanto de público quanto pela qualidade das apresentações. O presidente eleito do SMetal, Leandro Soares, enfatiza que o objetivo foi cumprido, tanto por oferecer cultura e lazer quanto para repudiar a retirada de direitos promovida pelo governo golpista de Michel Temer (PMDB) e de sua base aliada.

A organização do evento, feita pelo SMetal, proporcionou toda a estrutura para o público, com banheiros químicos, tendas de serviços e de alimentação. O Banco de Alimentos de Sorocaba recebeu doações de alimentos para distribuir entre as 100 entidades beneficentes atendidas.

O evento do Dia do Trabalhador do SMetal contou com o apoio da Guarda Civil Municipal, da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros e do secretário de cultura Werinton Kermes e de sua equipe.

 

Apresentações

Krucatá

Teatro Nativos

Márcio Brown e Nossa Cara Preta

Rolando Beltra, Simone Sil, Lucas e Marinete

Márcia Mah e banda

Desgarrados (banda formada por Rolando Beltran, Maurício Toco, Pedro Tortello, Marinete, Márcia Mah, Simone Sil, Lucas Pereira, Paulo Andrade, Paulo Rodrigo, Alexandre Ovelha).

Trupe Koskowisck

Mad Dog Blues

Levante da Juventude, com Teatro do Oprimido

Hominídeos

Manduca de Fiúza

Quartetotal

Rádio Comida

Detonautas Roque Clube

Deixe seu Recado